Publicado em por em Gestão Agrícola, Planejamento Agrícola

Plano de marketing agrícola: como desenvolver no seu negócio?

O agronegócio é um dos mercados mais importantes do mundo. Nesse sentido, existem muitos concorrentes. Pode não ser fácil se destacar, mas com um plano de marketing bem estruturado, o processo pode ser mais simples.

O marketing no agronegócio abrange muitos aspectos diferentes, dependendo principalmente do tamanho e das necessidades do negócio agrícola.

Seja qual for o caso, é imprescindível para qualquer empresa promover e oferecer seus produtos e serviços para clientes em potencial que possam gerar vendas e crescimento.

Assim como para outros mercados, estabelecer um plano de marketing no agronegócio concentra-se em aprender sobre uma base de clientes e atraí-los.

Então, se você deseja entender a fundo como implantar um plano de marketing no seu negócio, siga a leitura e confira as informações abaixo.

O que é um plano de marketing?

Um plano de marketing é um documento operacional que descreve uma estratégia de publicidade que uma organização implementará para atrair mais clientes e atingir seu mercado-alvo.

Esse planejamento faz parte de um plano de negócios, que descreve todos os aspectos importantes de uma empresa, como seus objetivos, valores, missão, orçamento e estratégias.

As funções de um plano de marketing para o agronegócio podem incluir:

  • Pesquisa de mercado para apoiar decisões de preços e novas inserções de produtos e serviços;
  • Segmentação de clientes para personalização de atendimento;
  • Métricas e relatórios que medem os resultados dos esforços de marketing;
  • Informações sobre dados demográficos para expansão de mercado.

Além disso, o plano identifica a proposta de valor da marca ou do produto, as campanhas a serem iniciadas e as métricas a serem usadas para avaliar a eficácia das iniciativas de marketing.

Desse modo, a estratégia precisa ser ajustada continuamente com base nas descobertas das métricas que mostram quais esforços estão tendo resultados e quais não estão.

Por que um plano de marketing é importante para seu negócio agrícola?

Qualquer negócio que pretende crescer e se destacar em seu mercado de atuação deve ter um conjunto de metas e objetivos bem estabelecidos.

Um plano de marketing é um mapa de possibilidades que auxilia a identificar onde uma empresa se encontra, quais os caminhos seguir e como chegar aos resultados finais.

Esse plano é necessário para ajudar também a manter perspectivas de crescimento e para comparar, com os anos anteriores, os números com o intuito de melhorá-los.

Além disso, ao atingir seu cliente ideal de maneira mais inteligente, você reduz os custos de marketing e aumenta suas chances de converter vendas.

O plano facilita entender qual necessidade você resolve, por que os clientes devem escolher sua empresa e a identificar os problemas específicos de alguém pronto para comprar.

Assim sendo, o plano de marketing também pode contribuir para:

1. Conhecer melhor o produtor rural

Reservar um tempo para montar um plano de marketing permite que você pense nos atributos de seu cliente ideal. Depois de saber e entender isso, fica muito mais fácil definir planos de ação e a melhor forma de atingir seu público-alvo com seu produto ou serviço.

2. Definir metas e objetivos mensuráveis

Ter um plano de marketing ativo dará a chance de definir metas e objetivos, o que, por sua vez, o manterá mais ciente de como conquistá-los. Ele também permite que toda a equipe comercial tenha clareza sobre o que é preciso alcançar.

3. Evitar decisões precipitadas

Ter uma estratégia de marketing implementada significa que há menos chances de seguir na direção errada e que pode não ajudar a atingir suas metas de negócios.

Além disso, ajuda a manter tudo sob controle e permite planejar atividades de acordo com os principais eventos do ano, que podem ser relevantes para a sua empresa.

4. Ajudar a medir os resultados

Os relatórios das estratégias de marketing feitas garantem um registro claro do que foi feito e significa que você poderá monitorar os resultados e as ações que não funcionaram tão bem.

Isso, por sua vez, ajudará a avaliar as estratégias em relação ao retorno do investimento e planejar de forma eficazf para os anos futuros, sabendo o que funciona e o que não funciona para o seu negócio.

Etapas de um plano de marketing agrícola

As etapas de desenvolvimento de um plano de marketing para seu negócio agrícola consistem em:

  1. Concepção: Qual é o objetivo da sua empresa?
  2. Descoberta: Como os clientes saberão da existência da sua empresa?
  3. Construção de relacionamento: Como será a estratégia para atrair clientes?
  4. Comércio: Como aumentar as vendas?
  5. Crescimento da carteira de clientes: Como aumentar a lealdade e a fidelidade?

Essas etapas, inicialmente, precisam ser seguidas cronologicamente, mas cada uma delas podem ser analisadas para modificações.

Como desenvolver um plano de marketing para o agronegócio

Não existe uma maneira única de criar um plano de marketing, mas existem algumas etapas chave que devem estar presentes em um planejamento de sucesso.

Defina orçamento e os objetivos do negócio

O primeiro passo no desenvolvimento de um plano de marketing é definir os objetivos aos quais sua empresa deseja chegar. Esses objetivos podem ser desde conquistar novos clientes a aumentar a participação de mercado.

Isso também inclui a proposta de valor a ser entregue ao produtor rural. Ou seja, como um produto ou serviço resolve o problema do cliente e porque o cliente deve comprar desta empresa e não de outra.

Além disso, é importante alinhar o orçamento a ser gasto no plano de marketing. Uma revisão da situação financeira é essencial para ter uma visão geral do montante de risco que a empresa pode suportar.

Analise seu mercado agrícola

Avaliar a situação do mercado que atua e determinar o que pode acontecer com os preços à medida que o ano avança é muito importante para definir as metas.

Embora não seja possível fazer uma previsão completamente assertiva, você pode ter uma visão geral das probabilidades que podem ser aproveitadas no plano de marketing.

É importante considerar que o agronegócio sofre influência direta do cenário externo, econômico e político, além das taxas de câmbio e da sazionalidade. Por isso, é essencial acompanhar todas essas têndencias.

Com os avanços da tecnologia da informação, os preços de mercado estão mais facilmente disponíveis para os consumidores. Portanto, tente manter a perspectiva para alinhar as estratégias de venda.

Determine os indicadores de desempenho

Todo bom plano de marketing descreve as estratégias que deverão ser acompanhadas. Desse modo, para fazer isso, você precisará determinar seus principais indicadores de desempenho (KPIs).

KPIs são métricas individuais que medem os vários elementos de uma campanha de marketing. Essas unidades ajudam a estabelecer metas de curto prazo e comunicar o progresso aos gestores.

Dessa maneira, com esses indicadores será possível saber se as estratégias estão sendo lucrativas e se estão baseadas com assertividade aos objetivos e metas do negócio.

Tenha uma presença online

Com o avanço digital, o primeiro passo para qualquer negócio agrícola se promover, antes mesmo de sair em busca de clientes, é ter uma presença online.

É muito importante para uma empresa construir um site comercial, fazer marketing por e-mail e ter perfis em mídias sociais para divulgar produtos e interagir com produtores.

Com isso, uma empresa pode alcançar clientes onde quer que estejam, responder às perguntas, vender online, solicitar avaliações, atender pedidos e até conquistar novos consumidores.

Construa uma identidade nas redes sociais

O principal desafio do agronegócio é criar reconhecimento de marca. Quando se trata de construir a identidade da marca, as redes sociais são a melhor aposta.

Crie um perfil nas principais redes sociais para o seu negócio agrícola e comece a postar conteúdo informativo e envolvente que dê destaque à sua empresa.

Com mais de 171,5 milhões de usuários nas redes sociais no Brasil, você pode estar perdendo muitos clientes em potencial, deixando de explorar o mundo digital.

Portanto, faça sua marca se destacar postando uma combinação de imagens, vídeos, postagens informativas, depoimentos, avaliações, produtos e serviços, entre outros.

Com isso, você precisa garantir que seu público-alvo siga sua página e volte para verificar as atualizações até que eles desenvolvam interesse suficiente para tornarem clientes.

Inclua marketing de conteúdo para criar fidelidade à marca

Crie conteúdo personalizado que responda às perguntas do seu público-alvo e forneça soluções para seus problemas e necessidades. Isso envolve a criação de um blog com conteúdo que desperta o interesse da marca na mente dos clientes.

Com o marketing de conteúdo certo para o agronegócio, você colherá inúmeros benefícios, incluindo uma classificação mais alta nos mecanismos de pesquisa, aumentando a visibilidade online para aumentar as conversões.

Nesse sentido, para implementar uma estratégia de marketing de conteúdo eficaz para o seu agronegócio, gere uma lista de palavras-chave que apontem para vários tópicos agrícolas relacionados ao setor de atuação.

Enfim, compartilhe seu conhecimento postando conteúdo informativo e envolvente sobre esses tópicos e construa sua autoridade.

Inclua a participação em eventos e feiras agrícolas

As feiras e eventos agropecuários são uma ótima forma de qualquer negócio agrícola divulgar seus produtos ou serviços, exibindo-os para as pessoas que comparecem. Além disso, é uma excelente oportunidade de fazer parcerias e conhecer os concorrentes.

O bom é que esses são exatamente o público-alvo que o negócio precisa e que se tornarão clientes no devido tempo. Materiais de divulgação também podem ser entregues às pessoas que visitam os estandes da exposição, para que obtenham as informações de contato comercial para referência futura.

Avalie o plano de marketing

Por fim, o plano de marketing precisa ser avaliado antes, durante e após o término de cada estratégia para determinar o que funcionou, o que não foi feito e por quê.

Assim, avaliar o plano ajudará a identificar as áreas com mais necessidade e que precisam de uma atenção maior. Além disso, facilita uma análise dos resultados e possibilita ajustes.

Comece seu planejamento de marketing para o próximo ano

O seu plano de marketing precisa ser claramente delineado e seguido, mas não deve ser imutável. Dessa forma, você precisa ser capaz de corrigir os erros ou investir mais nas estratégias quando elas estiverem funcionando bem.

Embora seja útil ter uma abordagem flexível, é importante que seu plano de marketing seja resiliente e alterne entre as ideias. Reserve um tempo para as estratégias se acomodarem e assim, mesmo não alcançando o sucesso, obterá dados de desempenho para projetos futuros.

Gostou do conteúdo? Continue acompanhando nosso blog e as redes sociais!


Publicado por:
Formada em Comunicação Social Audiovisual, pós-graduada em Linguagens e Processos de Realização para o Cinema e Analista de Conteúdo na Aliare.

Solicite demonstração

Preencha com seus dados e nossa equipe entrará em contato com você para agendar uma demonstração.

FECHAR